Roacutan: o que é, para que serve e quais são os efeitos colaterais

A substância isotretinoína, base desse remédio, é mais utilizada para tratamento de acne grave; efeitos colaterais e reações são relevantes

O Roacutan, medicamento conhecido para tratamento de acnes graves, tem como base a isotretinoína, um composto sintético semelhante à vitamina A. Sua função é reduzir a glândula sebácea para inibir a produção de sebo, que favorece as inflamações na pele.

Como há contraindicações e possíveis efeitos colaterais importantes, um médico precisa estudar o caso.

Antes do uso são feitos os tratamentos clássicos, com produtos tópicos [cremes, pomadas e géis] e antibióticos.

A dose do Roacutan é calculada pelo médico com base no peso do indivíduo, e o tratamento pode durar até um ano.

Quais as contraindicações?

A lista de contraindicações e reações adversas do Roucutan é extensa, mas especialistas pontuam as mais revelantes. A maior preocupação ao usar o medicamento é não engravidar, já que ele pode causar malformação do feto.

“É indicado utilizar dois métodos anticoncepcionais para ter certeza de que não há risco de gestação”, afirma José Roberto Fraga Filho, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Cirurgia Dermatológica. Até a doação de sangue é restrita, porque uma mulher grávida pode receber o sangue de quem utiliza Roacutan e sofrer o mesmo problema.

De acordo com a legislação brasileira, antes de recorrer ao Roacutan é preciso assinar um termo de consentimento sobre os riscos relacionados à gravidez.

O consumo de bebidas alcoólicas também não é recomendado. “Esse é o tipo de medicação metabolizada no fígado, e a ingestão de álcool pode comprometer o órgão”, justifica Fraga Filho.

Por esse mesmo motivo, é indicado realizar uma avaliação geral da saúde, incluindo análises das taxas de colesterol e triglicérides. Novos exames são feitos no meio e no fim do tratamento. A saúde do fígado deve ser monitorada ao longo de todo o processo, mesmo com esses cuidados.

Caso os exames venham de fato alterados, o médico dermatologista deve avaliar se é preciso suspender o Roacutan ou recomendar outra medicação para controlar esses índices.

Reações e efeitos colaterais do Roacutan

A bula da isotretinoína faz um alerta em relação à saúde mental, como risco de depressão e até suicídio

Alguns usuários do medicamento também relatam queda de cabelo nos primeiros meses do tratamento. A substância pode modificar o ciclo de crescimento dos fios, mas a reação é totalmente reversível, de acordo com os especialistas.

O Roacutan tira manchas?

Não. A substância não tem ação na produção de pigmento da pele. As manchas surgem por causa da inflamação da acne. Com a melhora do quadro, a pessoa pode ter a falsa impressão de que pele clareou. Essa mudança na pele é ainda associada à utilização do filtro solar em caso de exposição durante o dia.

O medicamento engorda?

Não. O que já foi relatado é que a pílula anticoncepcional, que é obrigatória durante o tratamento, pode causar um inchaço nas mulheres.

Quanto custa o tratamento?

Em torno de R$ 250 por mês, dependendo da dose indicada pelo médico. Há substâncias genéricas à venda nas farmácias e que também estão disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS), como o Valeant.